sábado, 21 de março de 2009

Equinócio de Outono




Equinócio de outono, dia e noite com o mesmo espaço de tempo.


Para nós, teoricamente, as sombras vêm chegando; mas aqui, neste país de verão, o sol não se despede jamais. Pelo menos onde vivo, São Paulo, as estações estão cada vez mais confusas, os dias mais quentes e parece impossível acompanhar as fases da terra, embora necessário, mesmo longe do campo.
Vivenciar esses ciclos, nos ajuda a perceber o tempo de semear, cultivar, colher e da preparação para nova semeadura, respeitando o silêncio do inverno, quando a terra descança, coberta de neve. No hemisfério norte, os celtas comemoram o nascimento do sol, plantam-se flores, pois lá é Equinócio da Primavera. Aqui, é tempo de avaliar a colheita, últimos festejos antes do recolhimento que o inverno exige.
Espiritualmente, um momento de limpeza de espinhos, de arrancar velhas raízes, escolher novas sementes para futuramente serem plantadas.




,

Um comentário:

  1. Hmmmmm, adorei, viu!? Cada vez mais acredito que, cada um ao seu modo, somos bruxos e carregamos em nossas almas as sensações sutís de um paganismo esquecido e, agora, redescoberto por inúmeras pessoas. Quero mais... Um beijo celta.
    the Osmar

    ResponderExcluir